Skip to content

Características do pug: conheça o padrão físico da raça

11/07/2018
cachorro da raça pug

Você já conhece as características do pug? Quais aspectos físicos tornam estes cãezinhos tão especiais? Ou então, como identificar um pug original?

Muitas pessoas não sabem, mas existe uma padronização oficial de características fenotípicas para cada raça de cachorro, que é utilizada como critério de avaliação em exibições e também para definir se um cãozinho é puro, ou seja, se tem o pedigree da raça.

No Brasil, essa padronização é estipulada pela CBKC – Confederação Brasileira de Cinofilia – a maior entidade de cinofilia do país.

A seguir, vamos conhecer melhor o padrão oficial das características do pug, ou seja, quais são os principais aspectos físicos do nosso amigo. Confira!

Características do pug: visão geral

Ao contrário do que se imagina, os pugs não são buldogues franceses de orelha caída e nem mini-Mastiffs ou mini-Bullmastiffs, como pode parecer à primeira vista. E eles também não possuem nenhum parentesco com o Shar Pei.

Na realidade, a raça mais próxima ao Pug é o Pequinês, que por sinal, apresenta uma origem e história muito parecida.

Os pugs são cães que pertencem ao grupo 9 da classificação canina, ou seja, são considerados cães de companhia. Vivem entre 10 e 12 anos, em média.

Pequenos, mas de corpo robusto e quadrado, eles são cães “multum in parvo”, que significa “muito em pouco”, ou seja, o cachorro pug possui forma atarracada e compacta, com musculatura firme.

Sem dúvidas, as duas principais características do pug são a sua cabeça e a sua cauda, como veremos a seguir, junto com os outros aspectos físicos que caracterizam estes adoráveis cãezinhos.

Cabeça

Close da cabeça de um pug

Como dissemos acima, a cabeça do pug é uma das características mais marcantes deste cãozinho. Ela deve ser:

  • Relativamente larga e proporcional ao corpo;
  • Redonda quando olhada de frente;
  • Focinho curto, truncado e quadrado. Quando olhado de perfil, deve ser completamente achatado à face;
  • Trufa (nariz do cachorro) deve ser preta, com narinas razoavelmente grandes e bem abertas;
  • Olhos redondos, escuros, relativamente grandes e bem expressivos;
  • Orelhas pretas, finas e pequenas. Devem ser macias como veludo e bem ajustadas à cabeça;
  • Mandíbula reta e com os dentes incisivos quase em linha reta.
  • Crânio sem sulco, mas com rugas claramente definidas na testa.

Aliás, vale salientar que as rugas dos pugs são uma das principais características destes cães, em especial as presentes em sua testa e ao redor do focinho.

É desejável que as rugas da testa formem um quadrado, que é chamado de marca de diamante.

No entanto, as rugas nunca podem ser excessivas e cobrir os olhos ou fazer sombra ao focinho.

Tamanho

caracteristicas do pug

O pug padrão mede em torno de 30cm e pesa entre 6,3 kg e 8,1 kg.

O peso é considerado alto para o tamanho pequenino desses cães, mas não pense que eles são apenas gordinhos e fofinhos.

Sua musculatura é forte, rígida e encorpada, encoberta por uma camada de pele macia e “elástica”.

Pelagem

Os cães da raça pug possuem pelagem curta e fina. O pelo ideal deve ser liso, possuir textura macia e ser brilhante.

Assim como todo cachorro de pelagem curta, o pug solta muito pelo, e a queda se intensifica duas vezes por ano na chamada troca de pelo. Por isso é essencial escová-los sempre, a fim de remover os fios mortos.

Os pugs apresentam quatro colorações consideradas padrão: abricot, fulvo, prata ou preto, cada uma claramente definida.

Os cães de coloração fulvo e abricot devem ter o corpo inteiro em tom claro, em variações de tonalidade de bege e o prata, corpo em cor acinzentada. No entanto, as orelhas, o focinho, os sinais nas bochechas, as marcas na testa e o traço no dorso devem ser o mais preto possível.

Já os pugs pretos são total black, sem uma manchinha sequer de outra cor.

Pernas e patas

As pernas do pug devem ter o seguinte aspecto:

  • Pernas de aspecto forte e de comprimento moderado;
  • Ombros bem inclinados;
  • Joelhos bem angulados;
  • Patas com dedos bem separados e unhas pretas.

Cauda

Foto da cauda de um pug

A cauda é uma das características do pug mais marcantes e apreciadas, em especial em exibições e exposições de cães.

Ela precisa dar pelo menos uma volta – formando um caracol – e encostar na lombar do cão.

Alguns clubes de raças e canis consideram duas voltas o formato ideal.

Vale lembrar que as características do pug citadas aqui são baseadas no padrão ideal da CBKC, usada por avaliadores em competições de raça.

Portanto, nem todos os pugs exibirão estas características com perfeição. Elas servem para nos nortear na identificação dos principais aspectos físicos dos cãezinhos desta raça.

Outro ponto importante é que o pug filhote não tem o rabinho totalmente enrolado ainda, e nem todas as rugas definidas na cabeça. Quando eles crescem ficam com todas as características que mencionamos acima.

Por isso, além de observar as características fenotípicas, sempre solicite o pedigree ao adquirir o seu pug. Também é importante comprar seu cãozinho de um canil com boa reputação e que possua registro nos órgãos competentes.

Agora que você já conhece as principais características do pug, que tal aprender a cuidar do seu amigo? Aproveite e leia nossos artigos sobre cuidados e saúde!