Como limpar as dobras do pug: 6 dicas práticas para higiene das rugas faciais

Nada mais encantador do que as ruguinhas que os pugs exibem na face! Mas você sabe como limpar as dobras do pug?

As rugas faciais – em especial aquela que fica entre os olhos e o focinho – podem acumular resíduos de todo tipo: poeira, restos de comida, microrganismos, lágrimas secas e secreções.

close do focinho do pug

Se estes resíduos não são retirados das rugas, eles produzem um odor bem desagradável, além de favorecer a proliferação de fungos e bactérias que podem resultar em dermatites e infecções no seu pug.

Assim, é necessário realizar a correta higienização destas áreas, o que pode ser um desafio para tutores de primeira viagem.

Se você tem dúvidas sobre como limpar as dobras do pug, leia este artigo onde separamos 6 dicas práticas para limpar as ruguinhas faciais do seu amigo. Dá só uma olhada!

1. Comece cedo

A higienização da ruga facial deve começar desde cedo, com o pug filhote.

É nesta fase que a ruga entre os olhos e o focinho começa a ficar bem definida e, consequentemente, a acumular resíduos.

Além disso, quanto antes você acostumar o seu cãozinho com a rotina de higienização, mais fácil será para realizar a limpeza.

2. Use os produtos corretos

Os produtos a serem usados na higienização são uma das principais dúvidas sobre como limpar as dobras do pug.

O ideal é utilizar algodão umedecido (preferencialmente em disco, pois solta menos fiapos) com água morna.

produtos para limpeza das dobras do pug: algodão e cotonete

No entanto, alguns tutores optam por outras alternativas como o uso de gaze, cotonetes ou lenços umedecidos. No caso deste último, é essencial utilizar lenços livres de álcool e fragrâncias.

Quanto às soluções, além de água morna, pode-se utilizar soro fisiológico ou algum outro produto indicado pelo seu veterinário.

3. Seja delicado

Na hora da limpeza, separe todos os materiais que você vai usar e deixe tudo à mão.

Se o seu pug é muito agitado, chame alguém para te ajudar. Assim a pessoa pode segurá-lo, enquanto você realiza a limpeza.

Com uma mão, segure a cabeça do seu pug com cuidado e, delicadamente, puxe a pele próxima à ruga para cima, na direção da testa, ou para os lados, de forma que o interior da ruga facial fique exposto.

Com o algodão ou lenço levemente umedecido, vá limpando toda a região, tomando cuidado para não atingir os olhos do seu pug, até remover toda a sujeira acumulada. Aproveite para observar se não há sinais de assaduras nas dobras.

Faça todo o processo de forma suave, para não causar lesões ou irritação na região.

4. Seque bem as dobrinhas

Essa é uma dica muito importante sobre como limpar as dobras do pug, pois de nada valerá realizar corretamente a higienização, se a região ficar úmida.

A umidade no interior das dobras é um dos principais fatores desencadeadores de alergias e dermatites, pois propiciam o ambiente ideal para proliferação de fungos e bactérias.

Portanto, sempre seque bem as dobrinhas após a limpeza, com um algodão ou lenço seco.

Independente do produto utilizado, seja soro, água, óleo mineral ou lenço umedecido, sempre seque bem depois, combinado?

5. Trate possíveis assaduras

Se durante a limpeza você observar a presença de irritações e assaduras, é necessário trata-las o quanto antes para que não haja complicações, como infecções e dermatites.

Nestes casos, leve seu pug a um médico veterinário para que ele possa realizar o diagnóstico correto e indicar o tratamento.

Nunca automedique o seu pug e nem utilize produtos de uso humano neles sem a recomendação de um veterinário, como soluções antissépticas e pomadas contra assaduras.

6. Faça a limpeza semanalmente

Uma dúvida comum sobre como limpar as dobras do pug é referente à frequência de limpeza.

Recomenda-se realizar de uma a duas limpezas semanais, dependendo do estilo de vida do seu pug.

Geralmente cães que convivem com outros animais, saem muito para passear ou vivem em ambientes com muita poeira e poluição, precisam de duas limpezas semanais, mas para a maioria dos pugs, uma vez por semana é suficiente.

No começo, realizar a higienização das dobras do pug pode ser complicado, principalmente se o seu cãozinho não colaborar.

No entanto, não fazer a limpeza não é uma opção. Se você não conseguir limpar, procure ajuda profissional, pois o acúmulo de sujeira nas rugas do seu pug, pode trazer sérios problemas dermatológicos e tudo que não queremos é ver nossos cãezinhos doentes.

Você já conhece todos os cuidados que você deve ter com um pug? Não? Dá uma olhada neste artigo e aprenda a cuidar do seu melhor amigo!

Tell Us What You Think
1Like0Love0Haha0Wow0Sad0Angry
Ir para o topo